News

TikTok, Instagram e Pinterest apostam na música & Nubank lança Nucoin

Netflix surpreende lucro no terceiro trimestre

Published

on

/What´s Up?

O que agitou os últimos dias em nosso mercado

01/ Nubank anuncia Nucoin, moeda digital própria, em parceria com a Polygon

A previsão é que a moeda seja lançada no primeiro semestre de 2023, com os tokens da fintech distribuídos gratuitamente para os clientes. Os tokens servirão de base para que o Nubank crie um programa de benefícios aos seus usuários brasileiros. A Polygon, empresa de blockchain, fornecerá a tecnologia e suporte técnico para que o Nubank desenvolva a sua criptomoeda — que em um primeiro momento é um token. A parceira da fintech utiliza a estrutura Ethereum para permitir a criação de aplicações descentralizadas. Segundo o Nubank, o objetivo de criar uma criptomoeda é “oferecer aos clientes benefícios como descontos e vantagens à medida que acumulam Nucoins”. A empresa também planeja, no futuro, comercializar o Nucoin no mercado de criptomoedas.

02/ TikTok lança novidade chamada  ‘StemDrop’ que fornecerá aos usuários a oportunidade de remixar uma nova música e criar sua própria versão da faixa

Revolucionando a colaboração global de música, a StemDrop atuará como uma incubadora de novos talentos, arte e criatividade, dando a oportunidade a todos os artistas e criadores de música, de qualquer lugar do mundo, de colaborar com alguns dos melhores e mais icônicos talentos de composição de todos os tempos. O TikTok diz que também haverá um novo ‘StemDrop Mixer’, desenvolvido pela Samsung, disponibilizado no aplicativo, onde creators de todos os níveis podem experimentar efeitos, harmonias e melodias individuais para criar e fazer upload de sua própria versão única da música. 

03/ Instagram testa recurso para permitir adicionar músicas na página de perfil dos usuários

Não só o TikTok está de olho nas músicas… O Instagram também! Com uma nova funcionalidade que está sendo testada, os usuários poderão acrescentar os sons por meio do menu “Editar perfil”, onde haverá um novo campo de formulário chamado Música. Será possível escolher qual música vai tocar e adicionar uma legenda com até 40 caracteres. Essa legenda deve funcionar como uma espécie de atualização de status, pois será exibida na bio. A funcionalidade dará aos criadores mais uma forma de entregar conteúdo, com música e pequenas mensagens curtas.

04/ Meta aceita ordem do Reino Unido para vender Giphy após batalha antitruste

O regulador de concorrência do Reino Unido mandou, nesta terça-feira (18), a Meta vender a plataforma de imagens animadas Giphy, após um tribunal afirmar que a compra pode prejudicar rivais e remover um potencial concorrente em publicidade. A Meta disse que aceita o pedido da Autoridade de Concorrência e Mercados (CMA) para desfazer o acordo de 2020. Com a decisão foi a primeira vez que um regulador forçou uma gigante de tecnologia a vender uma empresa já adquirida e sinalizou uma nova determinação de examinar negócios digitais. O órgão observou que os usuários do Reino Unido procuram 1 bilhão de GIFs por mês no Giphy, e 73% do tempo que passam nas mídias sociais está no Facebook, Instagram e WhatsApp, da Meta.

/Following Up

Aquelas notícias que merecem um retorno 

05/ Netflix recupera os assinantes perdidos e surpreende no lucro do terceiro trimestre de 2022

A Netflix ganhou 2,4 milhões de assinantes no terceiro trimestre deste ano, superando as expectativas dos analistas, que projetavam um ganho de 1,09 milhão. A plataforma ganhou clientes em todos os mercados do mundo. O crescimento foi mais forte na Ásia, onde a empresa adicionou 1,43 milhão de novos assinantes no trimestre. Com isso, o total de assinantes chegou a 223 milhões globalmente e a empresa retomou a liderança que havia sido perdida em agosto, quando o Disney+ divulgou que tinha 221,1 milhões de assinantes, acima dos 220 milhões da Netflix. O lucro líquido entre julho a setembro foi de US$ 1,4 bilhão, queda de 3,5% ante o mesmo período de 2021. Mesmo assim, o lucro por ação de US$ 3,10 superou as expectativas, que eram de US$ 2,13 por ação. Ao divulgar os números, a Netflix informou que tem vantagens claras frente às suas concorrentes, visto que é a única do setor a ter lucro operacional. Em seu balanço do terceiro trimestre, a companhia apresenta uma estimativa de prejuízo para o setor em 2022.

06/ Meta desenvolve novo processo de tradução de idiomas em áudio, em tempo real, no formato Speech-to-Speech

A Meta desenvolveu um novo processo de tradução de fala para fala baseado em IA , que eventualmente e idealmente, fornecerá mais oportunidades para as pessoas se conectarem, em tempo real, apesar de barreiras de linguagem. A empresa construiu o primeiro sistema de tradução de fala para fala com inteligência artificial para Hokkien, uma língua predominantemente oral que é amplamente falada na diáspora chinesa, mas não possui uma forma escrita padrão. A Meta está abrindo o código de seus modelos de tradução de Hokkien, conjuntos de dados de avaliação e documentos de pesquisa para que outros possam reproduzir e desenvolver o trabalho. A visão mais ampla é que essas técnicas podem ser traduzidas para seu futuro metaverso, possibilitando uma interação mais ampla, em escala global.

/Coming Up

Radar do Morse sobre novas tendências, produtos e serviços

07/ Pinterest anunciou nova opção de música para que creators adicionem em seus pins

Agora, ao criar seu Idea Pin, você poderá escolher uma música entre uma variedade de faixas populares para adicionar como acompanhamento ao seu conteúdo. Conforme explicado pelo Pinterest, a empresa estabeleceu novas parcerias com Warner Music Group, Warner Chappell Music, Merlin e BMG, para trazer os principais artistas e músicas da atualidade para a plataforma. Por meio desses novos acordos, os usuários agora poderão adicionar faixas de seus artistas favoritos. 

08/ Pesquisa indica que assinantes estão insatisfeitos com a quantidade de anúncios em streaming

O público de streaming está dividido entre experiências de anúncios insatisfatórias e ofertas de assinatura com preços mais baixos, de acordo com uma pesquisa online realizada pela The Harris Poll em outubro, em nome do Ad Age. Apesar de o streaming apresentar cargas de anúncios muito mais leves do que a TV linear, três quartos dos adultos dos EUA disseram que os streamers apresentam muitos comerciais. Além disso, os consumidores ficam irritados com a frequência com que veem anúncios, com 81% dos 1.045 entrevistados dizendo que veem os mesmos anúncios muitas vezes. Outros 70% disseram não ter interesse em comprar produtos anunciados em plataformas de streaming. Apesar disso, menos de um quarto dos entrevistados estava disposto a pagar mais por uma experiência de streaming sem anúncios – o custo da assinatura foi a principal consideração ao comprar uma plataforma na maioria dos dados demográficos.

09/ Oracle e NVIDIA anunciam parceria para acelerar a adoção da IA nas empresas

Expandindo sua aliança de longa data, a Oracle e a NVIDIA anunciam uma parceria de vários anos para ajudar os clientes a resolverem os desafios de negócios com computação acelerada e inteligência artificial (IA). A colaboração visa trazer o stack completo de computação acelerada NVIDIA – de GPUs a sistemas e software – para a Oracle Cloud Infrastructure (OCI). A OCI está adicionando mais dezenas de milhares de GPUs NVIDIA, incluindo a A100 e a próxima H100, à sua capacidade. Combinado com a infraestrutura de IA em cloud da OCI pura, rede em cluster e armazenamento, isto fornece às empresas um portfólio amplo e facilmente acessível de opções para treinamento de IA e inferência de deep learning em escala.

/Gaming Up

Tendências, dados e notícias sobre o universo gamer para marcas. Projeto em parceria com a TripleA.Games

Top down view of colorful illuminated gaming accessories laying on table. Professional computer game playing, esport business and online world concept.

10/ Setor de Games crescerá 50% em cinco anos, para US$ 300 bilhões

“O futuro dos videogames é brilhante”, diz o levantamento da Bain & Company que projetou um crescimento de 50% na receita global da indústria nos próximos cinco anos, saindo de US$ 199 bilhões em 2022 para US$ 307 bilhões em 2027. A taxa de crescimento anual composta (CAGR) é de 9% ano a ano, segundo a consultoria. A pesquisa observa três grandes tendências que estão mudando os jogos e devem alavancar os ganhos nos próximos anos. São elas: os avanços tecnológicos da indústria, as experiências no estilo metaverso e os novos modelos de monetização. O crescimento da indústria deverá ser impulsionado principalmente pelos jogadores mais jovens, de 13 a 17 anos, que passam cerca de 40% mais tempo em ambientes de games do que em outras formas de mídia, como redes sociais, streamings de música e vídeo.

/Cashing Up

Deals que movimentaram o mercado

11/ Tutu Digital, focada em empréstimos peer-to-peer (P2P) para micro e pequenos empresários captou R$ 20 milhões junto à SRM Ventures, braço de VC da gestora financeira SRM Asset

O investimento será realizado num modelo diferente. Segundo a SRM, o valor – descrito como um Venture Credit – será empregado pela Tutu para impulsionar sua capacidade de crédito e adquirir mais clientes. Além disso, de acordo com o cofundador e CEO da Tutu, Alan Martins, parte deste aporte também será destinado a iniciativas de marketing, assim como a atração de talentos para tecnologia e melhoria do processo de análise de crédito na plataforma da fintech. Além do cheque, vão nos ajudar com networking, modelagem do produto, ajustes na análise de crédito e melhoria dos processos de forma geral”, reforça Alan. No ano passado a fintech movimentou cerca de R$ 25 milhões, com cerca de 20 mil investidores cadastrados na plataforma, com média de 18% de rentabilidade em 2021. A expectativa da fintech é expandir essa rede de investidores para até 80 mil no final do ano que vem.

12/ A Raízen anuncia a compra da Payly, fintech de pagamentos, na intenção de criar uma unidade de serviços financeiros da companhia

A iniciativa já começará suas atividades com um potencial de atingir um ecossistema de cerca de mais de 8 mil postos revendedores, 5 mil clientes B2B, 50 milhões de clientes finais, 17 mil clientes no segmento de energia elétrica, 1,5 mil lojas e mercados de proximidade e conveniência. O valor da transação não foi divulgado. A Payly traz uma plataforma operacional e de tecnologia bem desenvolvida, de baixo risco, uma relação consolidada com parceiros e clientes e já em processo de autorização junto ao Banco Central do Brasil, o que foi muito atraente para a Raízen. Já conectada à solução Shell Box, a plataforma será impulsionada pelo aumento dos meios de pagamento via app e soluções de crédito para capital de giro B2B. Tudo será orientado para desenvolver soluções financeiras que melhor atendam seus parceiros e que fomentarão conveniência e fidelidade, impactando positivamente todas as cadeias de negócios e gerando um fluxo de receitas previsível e estável. 

Assine aqui a nossa newsletter. Não gosta de e-mail? Siga aqui no Linkedin! Se prefere escutar as notícias, assine aqui o MorseCast.

Continue Reading
300x250

Posts recentes

Categorias

Trending

Copyright © 2021 Morse News