News

Spotify anuncia podcast em vídeo no Brasil & Netflix anuncia parceria com a Microsoft para novo plano de assinatura

99 e rival chinesa da Tesla trazem primeiro carro elétrico para transporte por app ao Brasil.

Published

on

/What´s Up?
O que agitou os últimos dias em nosso mercado

01/ Spotify expande podcasts de vídeo para mais seis países, incluindo o Brasil

À medida que a preferência por podcasts de vídeo cresce, o Spotify está expandindo o recurso para seis novos mercados. A empresa anunciou que podcasters na Alemanha, França, Itália, Espanha, Brasil e México agora podem enviar podcasts de vídeo para a plataforma. Anteriormente, os podcasts de vídeo estavam disponíveis apenas em países de língua inglesa. O Spotify está tentando expandir sua presença global de podcasts em geral, mas também está tentando evitar um desafio do YouTube, que já tem uma presença global massiva. À medida que as linhas entre podcasts e vídeos se confundem, o YouTube está se tornando um player cada vez mais importante na indústria de podcast e, de acordo com um estudo, já é a maior plataforma de podcast nos EUA.


02/ 
Netflix anuncia que a Microsoft será sua parceira de vendas e tecnologia para o novo plano de assinatura mais barato e com anúncios

Em comunicado, a Netflix afirmou que a Microsoft provou sua habilidade em apoiar suas necessidades de anúncios e ofereceu flexibilidade para inovação ao longo do tempo, tanto em questões tecnológicas quanto de vendas. Além disso, a companhia destacou a forte proteção de privacidade para os assinantes. Logo após a notícia, as ações da Netflix subiram 1,11%  enquanto as da Microsoft recuaram 0,46%.


03/ 
99 e rival chinesa da Tesla trazem primeiro carro elétrico para transporte por app ao Brasil

O modelo já nasceu sob medida para atender ao mercado de apps!  A  99, por meio da Aliança pela Mobilidade Sustentável, e a BYD, fabricante de carros elétricos chinesa que já superou a Tesla, anunciaram o veículo D1 EV. Por enquanto, o projeto está em fase de testes com apenas um veículo rodando em São Paulo com um motorista da 99, mas a ideia é trazer cada vez mais unidades ainda em 2022, segundo comunicado assinado por ambas as empresas. De acordo com a BYD, a ideia, no futuro, é disponibilizar o novo modelo para o segmento corporativo e de empresas em geral, “além de aplicativos de transporte, locadoras de veículos e órgãos públicos”

04/ iFood Labs lança desafio de inovação Web 3.0 para o setor de delivery, empresa selecionará até dez projetos para a fase de análise

O braço tecnológico da empresa, que já codesenvolve e investe em novas soluções para o mercado de delivery, incentiva startups, universidades e entusiastas de todo o Brasil a registrarem suas ideias. O tema é “Desafio Web 3.0”, com qualquer tema ligado a esse conceito. O iFood, após as inscrições, selecionará até dez projetos para a fase de análise, que será feita com base no material enviado. O conteúdo deve esclarecer pontos como: qual é a ideia, qual problema ela resolve, o valor da sinergia do negócio com o iFood; e como, em conjunto, podem solucionar o desafio da Web 3.0. As inscrições vão até esta sexta-feira (15). 

/Following Up
Aquelas notícias que merecem um retorno 

05/  Twitter entra com uma ação contra Elon Musk afirmando que o executivo está se recusando a honrar suas obrigações e busca fazer com que ele siga em frente com a proposta

Musk está tentando sair do acordo de aquisição de US$ 44 bilhões que eles anunciaram em 25 de abril com base em suas alegações de que o Twitter não atendeu a seus pedidos de informações sobre atividades de bots e spam na plataforma. Apesar de suas preocupações, o processo alega que Musk não perguntou ao Twitter sobre suas estimativas de spam antes do acordo entrar em vigor, removendo uma condição de diligência do acordo que lhe daria acesso a informações não públicas sobre a empresa. O processo mostra uma imagem de Musk se esforçando para fazer uma oferta inesperada e extraordinariamente generosa ao Twitter, apenas para quase imediatamente dizer que vai abandonar o acordo. Depois que o mercado virou e as ações de tecnologia começaram a afundar, o Twitter alega que Musk procurou uma saída do acordo. 

06/ A Apple anunciou que, mesmo antes do lançamento da primeira geração dos óculos de realidade mista em 2023, a empresa já planeja o lançamento da segunda geração em 2025

Os óculos que misturam realidade aumentada e virtual já tem planos de atualizações e a marca poderá trabalhar com dois modelos de headset: uma versão premium e outra variante mais acessível. A segunda geração será lançada com uma segmentação e o plano é atingir 10 milhões de unidades em 2025 ou em 2026. Os óculos de realidade mista de primeira geração podem ser anunciados em janeiro de 2023 com o preço sugerido em torno de US$ 2 mil e US$ 3 mil.

/Coming Up
Radar do Morse sobre novas tendências, produtos e serviços

07/  Playboy lançará mansão virtual no metaverso em parceria com o The Sandbox

O MetaMansion contará com minijogos, mixers sociais, eventos programados e lançamentos colecionáveis ​​digitais em andamento que se baseiam nos quase 70 anos de história de publicação da marca. O projeto se baseia nos esforços anteriores da Playboy para se estabelecer no espaço web3 através das coleções de NFTs, experiências de metaverso, e uma nova plataforma de criadores chamada Centerfold. O impulso ocorre em um momento em que a empresa precisa de uma nova direção, já que sua publicação impressa foi encerrada em março de 2020. 

08/ Broadway usa AR em campanha para incentivar as pessoas irem aos seus shows

Usando seus telefones para escanear pôsteres de metrô, outdoors e por meio de links em plataformas sociais, as pessoas que interagiam com o ‘The Holiday Show Globe’ eram transportadas para uma Times Square nevada de 360 ​​graus, cercada por shows da Broadway atualmente em cartaz com saudações de festas de celebridades. As pessoas tinham então a opção de comprar um bilhete. De acordo com a Broadway League, 90% das pessoas que viram os anúncios passaram a interagir com a experiência de RA. Ele gerou mais de 750 horas de interação, enquanto 22% das pessoas compartilharam o filtro , sete vezes o engajamento médio do setor. 

09/ O LimeWire foi relançado como um mercado NFT para arte e entretenimento, inicialmente focado em música

Nova campanha com temática nostálgica (antes da LimeWire ser fechada em 2010) declara a volta da plataforma com “O LimeWire está de volta”. A marca agora é propriedade dos irmãos e co-CEOs Paul e Julian Zehetmayr. Com a nova identidade do LimeWire como um mercado de colecionáveis ​​digitais, seu objetivo é tornar os NFTs mais acessíveis e populares. Uma maneira de fazer isso é permitir que os usuários comprem NFTs com cartões de crédito, em vez do método usual de criptomoeda. No caso do LimeWire, os benefícios que ele espera oferecer são criações exclusivas para fãs, bem como fluxos de receita adicionais para artistas e criadores, com um foco inicial na música.

/Gaming Up
Deals que Tendências, dados e notícias sobre o universo gamer para marcas. Projeto em parceria com a TripleA.Games

10/ Apesar do “inverno cripto”, a GameStop está avançando com o lançamento de seu próprio mercado NFT, que agora está aberto no que a empresa chama de “beta público”

Agora, você pode usar a plataforma para comprar, vender e criar NFTs. Existem mais de 200 coleções que você pode examinar e mais de 53.000 NFTs listadas no mercado. Você pode conectar a recém-lançada GameStop Wallet para gerenciar seus ativos digitais, embora também possa usar opções como WalletConnect e MetaMask. A GameStop tem planos maiores para o mercado no futuro, dizendo que planeja expandir a funcionalidade para áreas como jogos Web3. A varejista de jogos anunciou pela primeira vez em fevereiro que planejava abrir seu próprio mercado de NFT, mas nas últimas semanas, as vendas de NFTs caíram em meio a uma queda maior nas criptomoedas em geral. A GameStop está abrindo seu mercado de NFT apenas alguns dias depois de demitir funcionários e demitir seu CFO.


11/ 
Twitter publica novos dados e insights sobre as discussões de jogos via tweets e prevê quebra de recordes além de mais influência e relevância para o público mais jovem

No primeiro semestre deste ano, houve aproximadamente 1,5 bilhão de Tweets sobre jogos, um aumento de 36%. Como observa o Twitter, isso o coloca no caminho certo para quebrar o recorde do ano passado de tweets de jogos, com 2,4 bilhões para o ano inteiro. Em termos de tendências específicas, o Twitter compartilhou insights sobre alguns dos principais elementos de foco, incluindo os principais países que twittam sobre tópicos de jogos, sendo eles o Japão, EUA e Coréia em ordem. 

12/ Estudo aponta que jogar videogames com frequência pode aprimorar determinadas regiões do cérebro que geram efeitos benéficos na habilidade de tomar decisões

Utilizando ressonância magnética funcional, os cientistas chegaram à conclusão de que três horas semanais de atividade geram efeitos benéficos na habilidade de tomar decisões. O estudo envolveu 47 pessoas, sendo 28 delas pessoas com hábito de jogar videogame e os demais não, a conclusão foi que os que jogam videogame tiveram respostas mais rápidas e precisas aos pedidos e perguntas dos pesquisadores. Como as diferenças estavam relacionadas com o aumento da atividade em determinadas partes do cérebro, os cientistas acreditam que os videogames podem eventualmente serem utilizados em intervenções terapêuticas.

/Cashing Up
Deals que movimentaram o mercado

13/ O Spotify anunciou a aquisição do Heardle, jogo de trivia temático. É a primeira aquisição de jogos da empresa e o streamer já planeja o usar como ferramenta de descoberta de música

O jogo continua sendo um site independente por enquanto e os usuários devem adivinhar a música que está sendo tocada dentro de seis tentativas com base primeiro nas notas de abertura e depois nas dicas, sendo no final vinculada à música no Spotify. A integração do Heardle está começando nos EUA, Reino Unido, Irlanda, Canadá, Austrália e Nova Zelândia antes de se expandir para outros países e idiomas. A empresa também planeja integrar Heardle “mais completamente” ao aplicativo, embora não tenha dito como ou quando isso acontecerá. 

14/ Startup chilena, Betterfly, anunciou a aquisição da Flexoh e sua entrada oficial no mercado europeu

A Betterfly é uma startup de seguros que, com o intuito de recompensar as pessoas por bons hábitos, adquiriu a Flexoh, startup de remuneração flexível para empresas. A startup incentiva os hábitos saudáveis em troca de maiores coberturas em suas apólices ou para obter créditos que podem ser revertidos em doações para causas sociais e ambientais. Com a Flexoh, a startup encontrou uma oportunidade de expansão na Europa e pretende estender seus campos de atuação, agora também dedicados à remuneração de funcionários e benefícios flexíveis.  

15/ O primeiro semestre de 2022 destaca 10 mega-rodadas de investimentos de startups latino-americanas, entre elas as brasileiras Creditas, Neon e Evino

Brasil e México possuem 7 das 10 rodadas e a vertical Fintech é a mais presente. São elas: Tul, construtech colombiana com US$ 181 mi, Creditas, fintech brasileira com US$ 260 mi, Betterfly, insurtech chilena com US$ 125 mi, Velvet, insurtech brasileira com US$ 200 mi, Neon, fintech brasileira com US$ 300 mi, Evino, foodtech brasileira com US$ 128 mi, Jeeves, fintech mexicana com US$ 180 mi, Justo, retailtech mexicana com US$ 152 mi, Habi, proptech colombiana com US$ 200 mi e Nowports, logtech mexicana com US$ 150 mi. 

Continue Reading
300x250

Posts recentes

Categorias

Trending

Copyright © 2021 Morse News